Brasilux é eleita uma das marcas mais lembradas no setor moveleiro

A Brasilux foi eleita pelo segundo ano consecutivo como uma das marcas mais lembradas do Brasil na categoria tintas e vernizes do setor moveleiro. O reconhecimento veio do Prêmio Top Móbile 2021, organizado anualmente pela Alternativa Editorial/Revista Móbile e que indica as marcas Top of Mind do segmento. A cerimônia foi realizada online no último dia 3 de agosto e, assim como em 2020, a Brasilux figurou no Top 3 das marcas mais lembradas entre os fornecedores da indústria.

“Ser reconhecido pelo setor moveleiro pelo segundo ano consecutivo como uma das 3 marcas mais lembradas do segmento de tintas e vernizes é motivo de muito orgulho para nós da Brasilux Tintas. Receber o Prêmio Top Móbile é fruto do comprometimento diário de nossos colaboradores e parceiros no desenvolvimento de produtos inovadores e de excelência. Agradecemos imensamente a confiança dos nossos clientes, lojistas e representantes comerciais”, afirmou Kelly Cristina Diniz Bicalho, presidente da Brasilux.

A Brasilux Tintas nasceu em 1993, na cidade de Matão, interior de São Paulo, e em poucos anos se tornou um dos maiores grupos industriais do mercado de tintas. A excelência dos produtos é perceptível em todos os tipos de superfícies, oferecendo soluções completas para os setores moveleiro, automotivo, industrial e imobiliário. As tintas e vernizes da linha moveleira Brasilux podem ser utilizadas em todos os tipos de madeira e uma das principais vantagens é que podem ser aplicadas tanto pelo consumidor final como por profissionais de marcenarias e indústrias moveleiras.

Tecnologia e inovação foram sempre prioridades para a Brasilux. “Nossos produtos possuem alto teor de sólidos, garantindo maior brilho, durabilidade e proteção à superfície aplicada. Realizamos também um trabalho crescente para redução de VOC das nossas tintas e vernizes. Além de proporcionar durabilidade superior, os produtos ecologicamente corretos da Brasilux, não prejudicam o meio ambiente e nem os aplicadores.”

Deixe uma resposta