Pesquisa revela maior interesse das pessoas por reformas em casa

Buscas na internet pelo termo “tinta de parede” aumentaram 61% entre fevereiro e abril deste ano, segundo o estudo Legado da Quarentena para o Consumo, realizado pela BTG Pactual. Além disso, pesquisas por materiais de construção cresceram 35%. Um levantamento da fintech de crédito Lendico também apontou um aumento de pedidos de empréstimos para cuidados ou reformas na casa. De março para abril deste ano, o aumento desses pedidos foi de 4%.

A Anjo Tintas, indústria de tintas com sede em Criciúma, Santa Catarina, percebeu um salto de vendas de produtos do setor imobiliário. Entre abril e maio deste ano, em relação ao mesmo período em 2019, houve um crescimento de 95% nas vendas de esmalte sintético de base com água, 8% de aumento em relação a venda de tintas acrílicas e 17% de aumento nas vendas de tintas spray.

O portal da Anjo Tintas quase duplicou o número de acessos. De fevereiro, mês anterior à quarentena, para maio, o aumento foi de quase 80%. As páginas mais clicadas são as de catálogos de cores. Entre as cores mais procuradas no site, estão verdes, tons neutros e marrons, amarelos, azuis e off whites.

“O aumento de vendas e de acessos ao site mostra que as pessoas enclausuradas em casa devido ao isolamento social estão cada vez mais interessadas em reformar os ambientes, mudar a cara do home office ou deixar os espaços mais aconchegantes, utilizando a tinta como protagonista na decoração”, comenta Filipe Colombo, CEO da Anjo Tintas.

A empresa, que está no mercado há mais de 30 anos, vendeu mais de 60 milhões de litros de tintas, solventes e complementos no ano de 2019. De 2018 para 2019, a empresa teve um salto no crescimento de 82%. A Anjo Tintas pode ser encontrada em todos os estados brasileiros em mais de 6.250 lojas de tintas, lojas de materiais de construção, entre outros.

Deixe uma resposta