Sobre Artesp

Nossa História

A ARTESP (Associação dos Revendedores de Tintas do Estado de São Paulo) nasceu em 1960 com a intenção de fortificar o setor de tintas e unir as pessoas que se dedicam para atender as necessidades dos consumidores.

Apesar de iniciar seus trabalhos na década de 1960, a ARTESP passou quase 20 anos sem muita movimentação. Suas atividades se intensificaram quando grandes problemas econômicos passaram a atingir com mais força os revendedores. Na década de 1980, o Brasil passou por mudanças significativas em sua estrutura social e econômica. Grandes manifestações sociais, a inflação beirando os 226%, a implantação do Plano Cruzado, o congelamento dos preços, entre outros acontecimentos, influenciaram os revendedores.

Nesse momento a ARTESP fez valer seu principal lema: A união faz a força.

“O pessoal não sabia o que fazer, os congelamentos estavam deixando todo mundo perdido. Então, houve um movimento para mudar a situação” lembra Ivanei Sanches, conselheiro da associação.

Essa união momentânea, dada pela situação econômica que afligia os revendedores, tornou-se algo maior, e a ARTESP teve uma sobrevida muito importante para o setor de tintas e o crescimento da classe.

“Existia muita rivalidade entre os colegas. Com a ARTESP, passamos a ter mais união e respeito. Lutamos muito pelos nossos interesses e passamos a

ver todos como parceiros e não como inimigos”, diz Nivaldo Martins Souza, um dos fundadores da associação.

Hoje, com mais de 50 anos de existência, a ARTESP é um dos principais canais de comunicação entre os revendedores, e porta-voz deles perante os poderes públicos e a sociedade.

Formada por pessoas de sucesso e conhecedoras da área, os mais de 120 revendedores associados contam com uma gama enorme de benefícios fornecidos pela Associação, desde apoio jurídico, premiações, ações de marketing até serviços financeiros e informativos.