Não fique parado

A atual situação econômica do País tem levado muitos empresários a um estado de choque. Os custos aumentaram e as vendas continuam em tendência de queda. Como o quadro para os próximos anos não se mostra favorável nem para o mais otimista dos brasileiros, o melhor é preparar a casa e recuperar o ânimo para enfrentar essa nova jornada.

Deixar a letargia de lado, focar em soluções e começar a colocar a mão na massa são as palavras de ordem. Afinal, sempre existem muitos pontos dentro das organizações passíveis de melhoria e redução de custos.

Essa operação deve começar pela equipe, pois qualquer iniciativa estará fadada ao fracasso com trabalhadores desmotivados. Invista um pouco. Faça um café da manhã ou um churrasco. Colete as sugestões e mostre claramente que a organização está reagindo diante da situação do mercado. Lidere e envolva todos. Faça os profissionais se sentirem parte da solução. Isso é muito importante! Nas reuniões com a equipe, fale apenas o necessário e escute mais.

Repasse todos os pontos considerados nevrálgicos dentro da empresa, como nível de atendimento, exposição de produtos, precificação, estoque e entrega. Um pente fino sobre toda a estrutura da organização pode revelar muitos pontos para melhoria, que foram negligenciados durante anos.

Visite os concorrentes e veja como eles estão enfrentando a situação. Encontrou algo interessante? Não faça uma adaptação pura e simples. Tais exemplos servem apenas como inspiração e para fazer pensar. Lembre-se: sua empresa é única, tem história e características próprias. Valorize isso.

E o mais importante de tudo: Tenha iniciativa! Nesse momento tão agudo, os trabalhadores não necessitam de um patrão, mas sim, de um líder. Para exercer realmente uma liderança integral é preciso servir de exemplo. Estar na vanguarda.

Para finalizar, cito uma frase de Nelson Mandela, que consegue dimensionar com exatidão o atual estado das coisas: “É melhor liderar a partir da retaguarda e colocar outros à frente, especialmente quando estamos a celebrar uma vitória por algo de muito bom que aconteceu. Mas deves tomar a linha da frente quando há perigo. Desta forma as pessoas irão apreciar a tua liderança”.

 

Reinaldo Pedro Correa

Presidente do Sincomavi

 

Deixe uma resposta