abertura

Feitintas comemora sua 10ª edição com importantes resultados para o setor

A 10ª edição da Feitintas promovida pelo Sindicato de Tintas e Vernizes do Estado de São Paulo (Sitivesp), que aconteceu de 21 a 24 de setembro, comemora os resultados alcançados em 2016. O setor registrou um aquecimento no volume de negócios gerados pelos visitantes da feira realizada no Expo São Paulo. Resultados positivos para organizadores e expositores repercutiram pelos corredores do pavilhão e o evento seguiu movimentado durante todos os dias.

Carlos Antônio, gerente comercial da Tintas Supermax, um dos expositores do evento, disse que o objetivo da marca foi alcançado com sucesso faltando ainda um dia para terminar a feira. “Realizamos ótimos contatos e todos os contratos que trouxemos para a feira esgotaram, ou seja, teremos muito trabalho pela frente. Nosso diretor Deyvid Arantes está extremamente satisfeito com os visitantes e com a movimentação do estante”, contou.

Um dos grandes destaques da Feitintas foi a exposição Uma Viagem pela Cor, fruto de uma parceria entre o Sitivesp e o Comitê Brasileiro de Cores (CBC), presidido pela designer de interiores e colorista, Elizabeth Leão Wey, também diretora do Studio Wey, especializado em projetos de arquitetura corporativa. Neste espaço os visitantes puderam conferir as tendências de cores da Cartela de Cores Cecal 2017.

Além disso, expositores realizaram cursos e demonstrações de uso de produtos para os visitantes que poderão aplicar as novas técnicas em seu dia a dia. Para Narciso Preto, Presidente do Sitivesp, a feira superou as expectativas. “Tivemos um retorno muito positivo em termos de novos negócios e troca de informações sobre este mercado.”

O evento também apresentou em sua programação um circuito completo de palestras gratuitas realizadas no segundo dia de feira, com temáticas diversificadas que foram para além do setor de tintas. Entre os cinco expositores convidados pelo Sitivesp, foi possível apreciar assuntos que abrangeram desde o contexto do cenário mercadológico atual brasileiro até as possibilidades de incentivo e empreendimento das práticas eficientes dos negócios.

A especialista em cores e presidente do Centro de Estudos da Cor na América Latina (Cecal), Elizabeth Wey, citada anteriormente, abriu as palestras tratando sobre as tendências de cores para 2017, apresentando os perfis de comportamento traçados para definir as tendências de cores e o que a sociedade deseja nos dias atuais, resultados de uma pesquisa realizada internacionalmente pela própria presidente e sua equipe especializada.

Logo após, Paula Csillag, Professora Doutora Presidente da Associação ProCor do Brasil, explorou uma abordagem científica sobre a percepção visual das cores. Csillag dinamicamente expôs uma parte do seu campo de estudos, que consiste na consolidação de uma metodologia com finalidade de auxiliar a influência do uso objetivo das cores na comunicação visual.

O terceiro palestrante do dia, Hirosh Shimuta, Presidente da Nicon – Comércio de Materiais para Construções Ltda., do Conselho da Anamaco e também presidente da Acomac SP, com base em sua trajetória de vida, abordou o contexto histórico-econômico mundial e como ele impacta nos dias de hoje o mercado brasileiro. Não obstante, trouxe em exemplos práticos cases de sucesso de sua experiência no varejo, referentes ao planejamento estratégico de liderança com seus colaboradores e, como isso, pôde contribuir para o crescimento e fortalecimento da sua marca.

O Diretor-titular do Comitê de Jovens Empreendedores da Fiesp, Sócio e Co-Fundados do Almeida Prado & Hoffmann Associados, Doutor em Diretto Civile pela Università di Camerino, Itália, Luiz Augusto A. A. Hoffman , por meio de sua expertise em empreendedorismo, elucidou os conceitos básicos de Gestão e Liderança. Sua palestra também contou com a explicação sobre a estrutura de funcionamento, aplicabilidade e atuação do Comitê de Jovens Empreendedores (CJE) do qual dirige.

Finalizando o circuito de palestras, Danilo Malavoti, Químico Industrial, Pesquisador, Empresário e Consultor de Pré-Tratamento e Pintura Industrial, dialogou a respeito das inovações acerca das tintas em pó e líquida nas estufas de cura, com informações essenciais para os profissionais que pretendem se especializar e se manter a frente no mercado.

Durante a feira, outros expositores registraram sua satisfação em participar da ação. Clécio Santana, responsável pelo trade marketing da Sinteplast participou pela primeira vez da feira e está, assim como os diretores da empresa, muito satisfeito com o investimento realizado. “Todos os dias foram muito satisfatórios, fechamos muitas negociações e o estande ficou movimentado o tempo todo. Digamos que 80% dos visitantes eram potenciais negociadores”, concluiu Santana.

Para a Tintas MC, espaço que teve o maior número de ações durante a Feitintas, a participação no evento foi indispensável. De acordo com o diretor de marketing, Renato Sá, a marca aproveitou o evento para lançar as franquias Tintas MC e realizar treinamento com mais de 2 mil pessoas, entre pintores e revendedores. A empresa também foi sucesso no Facebook, movimentando parceiros através de postagens e animações.

Comments are closed, but trackbacks and pingbacks are open.